Crónica da bolta de 31 de agosto

Mais um domingo, o último de agosto, em que os bassares saíram para o mato para mais uma (des)aventura por montes e vales. Como o bassare Maneli fez anos em agosto e estamos ainda dentro do mês convidou os bassares para uma chouricita e o tintoli.
Gira que gira a bolta para os lados de Coimbrões City para afinfar os dentes na chouriça e as bentas no garrafão quando à passagem pelo Quartel dos Vonveiros Boluntários nos aparece o Boby. aos saltos todo contente (literalmente). O raio do animal, gosta mesmo de nos ver, e como habitualmente quis desfrutar a nossa companhia por uma boa meia dúzia de kms. Inteligente o bicho que reconhece pessoal simpático e bonito!!!!
A bolta foi uma boa bolta, dada numa boazona, tirando o facto de ter que encurtar caminho porque nas subidas já me estava a faltar o ar devido à arreliadora constipação que (ainda) me entupia o nariz.
Tirando isso, permanece o mesmo espírito de sempre, de camaradagem e amizade. Cada bolta é uma oportunidade de cunvívio para aliviar do stress do dia-a-dia e para cimentar amizade entre todos.
 Vê todas as fotos aqui:

I Passeio BTT de Pinheiros

Já há dados da lista de inscritos no
I Passeio de BTT de Pinheiros.

Ainda faltam (muitos) bassares fazerem a inscrição.
Ficam aqui as coordenadas:

Ficha de Inscrição

Após fazeres a inscrição efetua o pagamento (10€) para o NIB
0045.2160.40040853273.98

Lista de inscritos em 29.08.2014
 

Jantar da Feira 2014!

Amigos bassares!

O jantar dos bassares da Feira de S.Mateus 
será no dia 12 de setembro.

Marquem na vossa agenda.
O Restaurante está a ser negociado e será revelado em breve, bem como a hora e local de concentração.

Ementa:
- A tradicional picanha!

É dificil entender?


Diferença entre homens e mulheres

Estás a assistir a um evento desportivo, um jogo de basebol, por exemplo e, em particular os miúdos querem levar para casa alguma recordação. Mas vê o que acontece a seguir:


Uma luta... desigual!



Empurrados e insultados, queixam-se os ciclistas. Lentos e inconvenientes acusam os automobilistas. Convivência entre carros e bicicletas é difícil

Lisboa é a cidade das sete boas desculpas para quem não quer pedalar e também das confusões no trânsito para os ciclistas. Raquel Merino é a prova de que os obstáculos da capital estão longe de serem as colinas. Enquanto se abriga do sol do meio-dia perto do Museu da Electricidade, em Belém, explica que a mentalidade dos condutores é a única fronteira a separar Portugal de outros países. "O problema é mais complexo do que as subidas e as descidas na cidade, o que falta mesmo é perceber que as estradas não são só para os automóveis". Desde que deixou de ter carro, a animadora cultural, de 30 anos, diz sentir na pele as dificuldade de andar de bicicleta. Entre a Ameixoeira, onde vive, até ao trabalho, nos Olivais, há condutores que a mandam para o passeio, ou que gritam um "vai tirar a carta". "Se andamos no corredor BUS, os táxis implicam connosco, se circulamos do lado de fora ficamos entalados entre os autocarros e os carros", lamenta.
As críticas mudam consoante os ciclistas. Há os que utilizam a bicicleta no dia-a-dia e os que apenas a usam para dar uns passeios. "As ciclovias são hoje muito melhores, mas dão voltas desnecessárias, são feitas para quem quer passear e não para os que pretendem ir para o trabalho". Marco Fonseca, o seu companheiro nesta viagem, acrescenta que os ciclistas não têm alternativa senão andar no meio do trânsito: "E pior é que os automobilistas não têm atenção à fragilidade da bicicleta, sobretudo os taxistas que saltam para cima sem avisar".
As críticas são, porém, devolvidas por Manuel Santos - taxista há dois anos. Não tem nada contra as bicicletas - ressalva - , mas admite que muitos delas o tiram do sério: "Andam à noite sem luzes e aos pares, parece que gostam mesmo de andar nas estradas", queixa-se, justificando que vê sempre as ciclovias vazias. Manuel já tem 70 anos e diz nunca ter visto tantas condições para quem quer pedalar. Há portanto apenas uma explicação para encontrar bicicletas no meio dos carros: "Acho que eles também gostam um bocadinho do perigo"

in http://www.ionline.pt/artigos/portugal/reportagem-i-pedais-motores-aos-encontroes-lisboa

O que aconteceu à barraca das farturas?

Antes, quando eles lá passaram, era assim:

Depois de eles terem de lá saído, foi isto:



Temo que futuramente a entrada na Feira de S. Mateus seja barrada aos bassares .

Sape... gato!!!!!

Faria mais estragos este gato na Vuelta que o Prêsidenti na barraca das farturas.


Caminhos de S. Tiago

Os nossos amigos e colegas bikófilos (Lamego) estão de partida para o Caminho (Francês) de S. Tiago de Compostela.
Parece que não podem ouvir falar de nada do que fazemos que querem logo fazer também. Ah, e tal vamos atravessar a Serra da Estrela e eles logo se prantaram lá fazer o mesmo... mas na carrinha. Vamos fazer o Caminho de S. Tiago e, pumba, lá vão eles....!!!
Boa sorte, amigos, e que seja uma expedição bem sucedida. Nós vamos torcer para que tudo corra bem e no próximo ano lá estaremos nós para o nosso Caminho de S. Tiago.


I Passeio de BTT de Pinheiros

É dia 14 de setembro, integrado nas Festas de Santa Eufémia, que se vai realizar o I Passeio de BTT de Pinheiros. Numa Boazona, que  conhecemos bem, com todos os ingredientes para um dia bem passado.
Consultem regulamento e ficha de inscrição aqui.
Bassares já inscritos.
- António Regadas
- Nuno Silva
- Carlos Amaral
- André Pereira
- Alcino Olliveira

Se houver mais que se acusem.... e tratem lá de fazer a inscrição_ queremos ver mais, muito mais, com Equipa B incluída.

Ficha de Inscrição





E pronto....... acabaram-se as férias!

Já com saudadinhas minhas, não é?
Pois, acabaram-se as férias e regressaram as crónicas de "escárnio e  maldizer" para apimentar e animar a nossa atividade bassare.
Na minha ausência bttista e bloguista as boltas resumiram-se à abertura da época das farturas com uma farturinha.... de vento.
É que, como bem podem constatar pelas fotos enviadas à Redação do Blogue, os bassares sentaram-se na esplanada só para tirar a foto. Nada prova que as tenham comido..... (às farturas).
Para a próxima têm fotografar também as ditas cujas para que alguém acredite.
E amanhã é quarta feira, há bolta intermédia à hora do costume (e eu vou se esta maldita constipação me deixar!!!!)
Só style.... mas nada de farturas!!!!

... e as farturas?????

Boltas de Quarta-Feira - Crónica

Às quartas-feiras é dia da Bolta Intermédia, ou bolta do meio, ou meia-bolta ou... a bolta in, aquela que está a dar. Já que ao domingo, em agosto, por motivos de férias, de casamentos, batizados e outras festas sociais se tem verificado a impossibilidade de participação de alguns bassares, inclusive cá o Je, as boltyas de quarta-feira têm sido uma forma de compensação que, segundo os últimos dadaos estatísticos, se prepara para se destronar a Bolta Principal Domingueira. Se bem que a disponibilidade temporal não é a mesma (2 horitas no máximo) o que é certo e certinho é que, até prova em contrário, as boltas de quarta feira estão melhores que as de domingo. E mais nada!
Segue a crónica de ontem:
5 bassares veteranos + 2 candidatos à recruta para aspirantes a bassares constituíram o Pelotão da Bolta.
Factos a registar:
- uma boltinha softo a iniciar pelos trilhosmarcados das 24h00 e que continuou pela ecopista. Depois na monumental subida lá para os lados daquele sítio que boe muito o Nuno Silva (claro, quem mais havia de ser!!!!) atirou-se aos tojos. Fica o registo do "sim senhor" ainda cravadinho de piquinhos. Parecia um "Cristo" em sexta-feira santa....!!!

Os 2 mancebos apsirantes a recrutas que têm de pagar joia de inscrição + quotas + despesas de representação do Presidenti. Se não tiverem dinheiro podem ir ao BES ou ao Banco Mau.
Depois foi o normal de uma bolta super hiper runtástica.













Meu rico mês de agosto!!!

Agosto é, por excelência, o mês dos acontecimentos sociais, das festas, dos casamentos, dos batizados, dos emigrantes, da Feira de S. Mateus e de tudo o que é festa popular. Daí que, mais uma vez, este próximo domingo não vou poder participar na bolta bassare e então fui hoje dar uma de compensação. Estava já eu mais o meu cumpadri, sogaditos, a retomar o percurso em Figueiró para vir para casa, quando fomos desencaminhados por alguém que nos disse " há febra em Boa Aldeia, na Feira do Pedrão". Ora, como o desafio não era de negar, nem nós somos de dizer não, lá fomos. E valeu a pena.
Fica o registo aos bassares que no 2º e 4º sábado de cada mês há lá sempre Feira... e febras!
Havemos de lá ir, havemos, pois.
Para já, e para vos arregalar o olho fica a foto das ditas cujas e dos demais cumbibas.
Boa bolta amanhã e não se percam, se faz favor.
 










Uma bolta intermédia bem dada!

A bolta intermédia das quartas-feiras está cada vez melhor, mais refinada e mais bem frequentada.
Começou a bolta com o CLUB CANYON a abrir as hostilidades e aos poucos foram engrossando as hostes, primeiro com o reforço sumol+compal e depois com uma falange de bassares da Equipa B.
P´ra quem não foi fica o registo fotográfico.... com as selfies da moda. Roam-se de inveja, ou como se diz em bassarês, de imbeija!
O CLUB CANYON
 As Canyon são como helicópteros: giras e boas!!!


Reforço da equipa com Mékanique de serviço

Por fim,  EQUIPA B a compor o ramalhete!